Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A vida de Mala Aviada

A vida de Mala Aviada

LETRAS GRANDES E TRANSPARENTES - talvez.

 

Talvez porque os aviões passem baixo e mesmo assim não ouço nada;

talvez porque estou rodeada de pessoas que pensam me conhecem minimamente, mas não conhecem de todo;

talvez poque me apeteça fazer listas de impossibilidades no futuro próximo mas não tenho tinta na caneta;

talvez porque a caneta de cor preta e azul esteja esgotada e eu não goste de outras;

talvez porque as tangerinas são redondas e as pedras também;

talvez porque o sol me bateu no rosto ontem e hoje me bate a chuva.

 

Torno-me vazia como uma caixa de sapatos - que não seja minha - à espera de ser reutilizada. Será que ela também pensa que se torna mais bonita com eles lá dentro?

 

 

 

Image and video hosting by TinyPic

 

SERRALVES - Dezembro 2008

2 comentários

Comentar post