Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A vida de Mala Aviada

A vida de Mala Aviada

Perto:

photo from prettypicnics

 

Por outro lado, o que faz sentido agora é pensar num verão cheio de sumos, gelados, passeios e tendas. Pensar que para o ano vou continuar a ter-te na minha vida seja de que modo for e que podemos crescer como indivíduos singulares e depois juntar-nos de novo nesta nossa vida de complementos. Faz sentido pensar que vou ter tempo para estar sozinha e ordenar a vida caótica que ainda não tracei, fazer yoga ayuvédico com a Teresa. Faz algum sentido pensar nos fim-de-semana fantásticos que vamos passar a remodelar a nossa casa de campo e a arrumar a nossa clean life: planear as viagens, estudar, ler livros ao sol, passear de mãos dadas porque já te terás assumido por certo... Ter anéis da Calvin Klein no fim do Verão, quando formos a Paris. Faz algum sentido pensar que o meu amor por ti não irá esmorecer porque é mais forte que a chuva que caí no Inverno. E depois há tantas mais coisas que compensam: vou poder finalmente ter um gato e até um cocker se o Gman me arranjar. Já viste? Vamos ter mais animais de estimação! E passeios, risos e boa disposição. Afinal, é sempre bom olhar pelas duas partes - o pêndulo pode andar de um lado para o outro mas o que o prende é a vara, mesmo a meio. amo.te Rita.

2 comentários

Comentar post