Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A vida de Mala Aviada

A vida de Mala Aviada

FOR YOU, A

Sim, Alex, agora somos nós. Sem rótulos, com jogos de futebol, passeios nocturnos e coleccionismos de coisas em comum. Se algo acontecer a mais, que venha. Não espero sentada, continuo a caminhar, mas não te deixo para trás porque tenciono que caminhes a meu lado, de mão dada comigo ou eu, para variar, meia quente, às tuas cavalitas. É de ti que preciso agora: desse companheirismo acentuado que me ofereces, dessa vontade anestesiante de estar por perto e de fazer coisas; um fervilhar de coisas tão grande... tão imenso quanto tu e eu. Quero que os momentos sejam repartidos entre nós, mas sem construções de grande dimensão porque sabes que o amanhã nunca é certo. Mas permite-me, contudo, dizer que apenas desejo algo para o amanhã: um sorriso teu e uma mão dada sem olhar para trás. Obrigada minha Alex, por estares aqui quando mais preciso e por estares mesmo quando não o faço. A paixão começa a ser arrebatadora, como a onda que nos leva para longe quando flutuamos no mar.

FOR YOU, R

Apesar de todo o alvoroço que se fez durante várias semanas, acabou por solucionar-se. Resolveu-se. Vê-se e entende-se que não se podem forçar as coisas, antecipá-las ou apressá-las. Ainda bem que não nos encontramos mais cedo Rita - teria sido pior... A conversa do IKEA deve ter sido uma das mais francas que tivemos em muitos meses; finalmente houve um ponto de resolução, algo onde chegar e nos sentirmos ambas confortáveis. Não me arrependo de nada: de ter vivido contigo, de te ter amado como o fiz. Penso não me vir arrepender de ficar a viver contigo. E penso, sobretudo, que resultamos muito melhor como amigas. Grandes amigas, amigas dos segredos. Já tivemos melhores momentos nestes últimos dias que tivemos nos últimos meses de relação: há coisas que se desgastam - a  maioria dos sentimentos - mas apenas uma permanece. A lealdade para com a nossa amizade. Meninas Berg!!

Anúncio:

Procura-se lésbica simpática, que goste de leituras, de sítios calmos, cinema, comida italiana e marisco. Que goste do silêncio e de falar quando vai para a cama; e quando está na cama, bem, que faça coisas de jeito.

Isto não é para mim, é para a minha ex. O nome dela é Rita e precisa desesperadamente de uma namorada nova. Preferência de localidade: Porto, Vila Real. Contactar via e-mail. :)

Pág. 4/4